Nokia Lumia 920 e o Windows Phone: um sistema operacional em evolução


Olá pessoal!

Quanto tempo, não? Rs… Fiquei um tempo longe daqui e senti muita falta de escrever, então estou voltando com novas experiências pra compartilhar!

Uma destas novas experiências é que (depois de um bom tempo reprimindo a vontade, rs) testei o Windows Phone! Aproveitei minha volta para a VIVO e fidelizei comprando um Nokia Lumia 920 por R$ 999,00. Achei uma boa oportunidade na época (acabei me dando mal porque pouco tempo depois o preço dele caiu bastante, mas aí ja é outra história). O seu sucessor, o Nokia Lumia 1020, já havia sido lançado, mas o valor ainda estava bem longe do que eu estava disposto a pagar para testar e tirar minhas primeiras conclusões sobre o sistema operacional.

Nokia Lumia 920

Confesso que comprei o aparelho sabendo que o Windows Phone não se tornaria meu sistema operacional mobile preferido. Passei apenas 4 meses com o aparelho, mas foi o suficiente pra ser surpreendido positivamente com a fluidez do sistema e a qualidade do hardware da Nokia. Ah, a Nokia! Foi bacana usar um aparelho desta marca novamente. Vamos então pros pontos mais importantes.

Hardware

O smartphone é robusto (tá, meio grande e gordo até) e dá aquela impressão de que se cair vai rachar o chão e o aparelho sair sem nenhum arranhão. O peso e o tamanho chegaram a me incomodar um pouco, pois torna o uso com uma mão mais difícil.

Câmera

Uma palavra: SENSACIONAL! Cores lindas, nitidez nas fotos e uma estabilização de imagem surpreendente. Tirei uma vez uma foto com o carro em movimento que seria difícil de tirar até parado com outros aparelhos (tá, exagerei um pouquinho, mas foi o que senti na hora). Enfim, este é um dos pontos mais interessantes do aparelho.

O Windows Phone

A parte importante do negócio. Como eu disse antes, a intenção foi somente testar, pois mesmo as impressões sendo muito boas, ainda não me atende como sistema “titular”.  O principal ponto positivo na minha opinião é a fluidez! O sistema roda lindo, sem aqueles “engasgos” que vemos nos Androids mais populares s iPhones muito cheios. É claro que as configurações do 920 são brutas, mas já vi outros modelos mais modestos (520 e 620) rodando bem da mesma forma.

A interface metro é muito legal! Em pouco tempo você se acostuma com os quadradinhos animados e o uso se torna muito fácil. Quando falo sobre o Windows Phone eu sempre cito isso: admiro a Microsoft pelo que ela fez porque ela fez DO ZERO, sem copiar ninguém. Você há de concordar comigo que as semelhanças do Android e do iOs neste quesito é indiscutível. A Microsoft inovou e fez muito bem o dever de casa.

Sabe uma coisa “boba” mas que achei muito bacana? A integração dos contatos com as redes sociais e outros itens de comunicação. Você entra em algum dos seus contatos e ele mostra as últimas atualizações da pessoa nas redes sociais, os últimos e-mails trocados com a pessoa e um histórico bem bacana de chamadas e sms. Muito legal e útil.

Aplicativos

Essa é a pior parte da experiência. Muitos aplicativos famosos dos outros sistemas mais populares estão disponíveis para o Windows Phone, mas com a qualidade indiscutivelmente menor. Passava muita raiva com a lentidão do Facebook! Fiquei um tempo utilizando um cliente Instagram alternativo, pois ainda não tinha saído o app oficial. Os aplicativos bancários que utilizo (Banco do Brasil e Caixa) davam aquela impressão de que “só estavam ali para marcar presença”, sem preocupação com qualidade. Utilizo muito o app do Mercado Livre e, apesar de ter versão pro Windows Phone, a única coisa que funcionava era a busca. Responder e fazer perguntas, informações da sua conta e outros nunca funcionava como deveria.

Bateria

A segunda (ou primeira, esta é uma briga difícil) pior parte da experiência. Já cheguei a dormir uma vez com 50% de carga da bateria e acordar 7 horas depois com o celular completamente descarregado. Utilizando o 4G a bateria vai embora rapidinho… Enfim, esse ponto deixa MUITO a desejar.

A conclusão final? Voltemos ao título… Um sistema operacional em evolução, com um futuro incrível pela frente. É claro que as empresas precisam colaborar desenvolvendo apps decentes, mas com o crescimento das vendas isso tende a acontecer naturalmente.

Bom, acho que é isso. Essa é minha visão prática do tempo que utilizei o Lumia 920. E vocês, alguma coisa a dizer sobre os Lumias e/ou Windows phone?

Abraço e até a próxima! 😉

, , ,

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)